Painel informativo.

- TRÊS VEZES ADMIRÁVEL pela grandeza de sua posição junto à Trindade, como filha predileta do Pai, Mãe do Filho e Esposa do Espírito Santo. Também por ser Mãe de Deus, Mãe do Redentor e Mãe dos Remidos.'

MISTERIOS DE

O Santo Rosário compreende a meditação dos vinte mistérios da Fé Católica, divididos em quatro grupos de cinco mistérios - denominados Terço - e nos leva diariamente ao estudo e meditação profunda da Palavra Sagrada da Bíblia e das passagens mais importantes do Evangelho. Aos mistérios originais, recentemente o Papa João Paulo II instituiu novas meditações, sendo que os mistérios do Santo Rosário são:
Mistérios Gozosos - Natalidade e crescimento de Jesus
Mistérios Dolorosos - Agonia, sofrimento e morte: Amor aos pecadores
Mistérios Gloriosos - Vitória, Salvação, Proteção
Mistérios Luminosos - A humildade, os milagres e o eterno Amor

VOCÊ É ESPECIAL!

Pesquisar neste blog

ORAÇÃO OFICIAL DO TERÇO DOS HOMENS MÃE RAINHA





É preciso prudência e discernimento para não se deixar enredar por discursos aparentemente persuasivos.


Quem são esses falsos profetas contra os quais Jesus previne os seus discípulos? O verdadeiro profeta é portador da Palavra de Deus, fala e age por inspiração de Deus; por isso, o que ele diz se realiza. O Deuteronômio dá o critério para reconhecer o falso profeta: usa o nome de Deus, mas na verdade a palavra é sua, por isso não se realiza o que ele profetiza (Dt 18,22; cf. 13,2-6). No início da Igreja, como em todos os tempos até os nossos dias, havia pessoas que confundiam os fiéis e os induziam a uma falsa doutrina e, com isso, criavam divisões na comunidade. O autor da segunda carta de Pedro diz que eles usam das pessoas (2Pd 2,1-3), ao invés de servi-las. É preciso prudência e discernimento para não se deixar enredar por discursos aparentemente persuasivos. É o testemunho e a coerência da vida cristã que dá credibilidade ao ensinamento. O autor da carta de Tiago, contra os pretensiosos, afirma: “Quem dentre vós é sábio e entendido? Mostre pelo bom comportamento suas obras repletas de docilidade e sabedoria” (Tg 3,13).

Carlos Alberto Contieri.